Último evento da Casa Dissenso: #3 Dis Experimental

por - 12:08


Semana passada foi anunciado aqui que a Casa Dissenso encerrará suas atividades no final do mês de setembro. Uma das coisas que eu mais gostava de ver ali era o Dis Experimental, evento gratuito que reunia um monte de artista que faz uma música bem estranha e fora dos padrões comerciais e hypes. Não podia ser melhor, o último evento da saudosa casinha será a terceira edição desse pequeno festival para loucos. Confira a programação e os dias que rolarão o #3 Dis Experimental:


Dia 16 - Sexta

kAIs Lu
: Improvisações sonoras da performer Karen Keppe, que participou de festivais como 1ª Mostra de Música Improvisada IMPREVISTO (Florianópolis) e V Mostra de Arte Sonora Interativa IN-SONORA (Madri), além de ter se excursionado pela Europa com o duo Koll Witz.

Yersiniose
: Projeto de Mario Brandalise que transita entre a aspereza pós-industrial, o experimentalismo eletroacústico e a eletrônica de grupos como The Grey Wolves e Con-Dom, resultando numa sonoridade aflitiva e ambiências neuróticas. Escute.

Rubens Akira
: Ao lado de Rodrigo Montoya, no shamisen, e Rogerio Martins, no clarinete, Rubens Akira assume a bateria em sessões de composição instantânea, calcadas na exploração de timbres e limites dos instrumentos criando texturas sonoras únicas.






Dia 17 - Sábado

4propri8
: Co-fundadora da AZRecs, Vanessa de Michelis experimenta com espaços e tempos sonoros, gravando, sampleando e sintetizando a partir de apropriações e outras elucubrações táteis. Escute.

Bruno Nobru
: O artista trabalha a interação entre instrumentos acústicos e vocalizações tribais, buscando uma arte catártica e visceral, em que o instrumento se torna extensão +++++do corpo num livre fluir pelas possibilidades da vida. Escute.

sata(n)oize<
: Erick Cruxen, Muriel Curi e convidados do Labirinto, National e outros projetos produzem texturas fantasmagóricas e timbres infernais através de sintetizadores e outras fontes sonoras abissais, invocando e exorcizando espectros ruidosos e dissonantes em suas atormentadas apresentações.

Dia 18 - Domingo

Lilian Campesato
: Em parceria com Fernando Iazzetta, a performer apresenta a peça audiovisual interativa "Movimento", com processamento em tempo real de sons e imagens que conduzem o espectador a diversas paisagens e atmosferas sonoras.

Jóbson Phelps
: Estreia do projeto de "noise ateu" dos músicos Giancarlo Frabetti e Paulo Abraão, que dialoga com ritmos tribais e riffs soturnos em jam que contará com participação especial do artista plástico Bruno Barnabé. Escute.

MuepEtmo
: Com passagem por eventos como o FILE, On-Off Cinético Digital (Itaú Cultural), Game Cultura (Sesc) e TANGENTE (Montreal) e Monkeytown (Nova York), o compositor e produtor mostra a eletrônica experimental que ganhou elogios da Wire. Escute.

Tony da Gatorra
: O técnico de eletrônica que criou um instrumento (a gatorra: espécie de sintetizador) e conquistou gente como Gruff Rhys (com quem gravou o disco The Terror of Cosmic Loneliness), retorna a São Paulo para entoar seus hinos de contestação política e paz.





Informações:



Sexta, 16 de Setembro, abertura da casa às 20h; início das apresentações 21h: kAIs Lu, Yersiniose e Rubens Akira

Sábado, 17 de Setembro, abertura da casa às 18h; início das apresentações 19h: 4propri8, Bruno Nobru e sata(n)oize<

Domingo, 18 de Setembro, abertura da casa às 17h; início das apresentações 18h: Lilian Campesato, Jóbson Phelps, MuepEtmo e Tony da Gatorra


Entrada: GRÁTIS

Lembramos que as apresentações começarão no horário previsto; não se atrasem!


Casa Dissenso - Rua dos Pinheiros, 747 - Pinheiros - São Paulo, SP

Telefone: (11) 2364-7774

Capacidade nos eventos: 80 pessoas

Censura: 18 anos (nos eventos)

Horário de Funcionamento: De segunda a sábado, das 12h às 19:30h

Você também pode gostar

0 comentários