Barulho, ruído e free jazz com Sobre a Máquina e Chinese Cookie Poets

por - 18:14




Que tal sair do marasmo habitual da Augusta e de toda aquela leva de artistas que tocam por ali sempre? Duas bandas que estão entre as minhas prediletas, e não é a toa, tocarão neste sábado, ali na Casa do Mancha.

Calcado num som experimental, industrial e qualquer outro adjetivo para algo que te ambienta em um clima bizarro e tenso, assim é o Sobre a Máquina. Depois de encerrarem o ciclo com o Anomia, em dezembro do ano passado, os caras estão preparando um full lenght e se apresentam na Vila Madalena, para deixar a atmosfera pesada nesta semana que promete chuva intensa.

O Chinese Cookie Poets faz um som doido. Talvez assim eu consiga explicar algo para vocês sobre esse trio carioca de Free Jazz (?) muito influenciado pelo John Zorn e seus projetos, desde o Naked City até sua carreira solo. Lançaram em 2011 um EP chamado Dragons Flyers Catcher, ontem o single En La Mano Del Payaso e agitaram várias listinhas, só pra você ter noção do quão foda é.

Este é um programa dos bons, vai por mim, primeira e única apresentação dos caras por aqui, tanto do SAM, quanto do Chinese, que prometem deixar todo mundo surdo de tanto barulho e ruído produzido no sábado à noite. O esquema é o de sempre, 15 mangos, 17h, cerveja barata, mas se você nunca apareceu por lá, demorou, ai embaixo estão as informações, entretanto, vale ressaltar, CHEGUEM CEDO.




Quando? Sábado, dia 21/01.
Onde?
Casa do Mancha – Rua Filipe de Alcaçova, s/n (muro grafitado, portão de ferro, do lado da Borracharia)
Quanto?
15 dinheiros
Aceita cartão, cheque e vale transporte?
Não, só grana viva.
Que horas?
17h00 até 22h30 (se quiser imbicar outro role, ó só, tá fácil)

Você também pode gostar

0 comentários