Sintoniza lá e curta o novo disco do BNegão e os Seletores de Frequência

por - 11:08

BNegão e os Seletores de Frequência Sintonize Lá

Ardesson Reis provavelmente clicou em sobre ali em cima, viu que poderia contribuir para o site e enviou um email. Disse que tinha uma resenha breve, algumas impressões sobre o novo disco do BNegão e os Seletores de Frequência. Falei pro cara mandar e achamos que valia o post. Então galerinha, ai abaixo vai o texto do cara na íntegra e vou deixar algo claro, baseado no breve resumo que ele fez: não perca o show da banda pela sua cidade.


Tá quentinho aí e já tem pra baixar nos blogs mais massas da interwebz. O novo trabalho do Bnegão e Os Seletores de Frequência já saiu, demorou, mas saiu. A banda carioca está lançando seu novo disco, o Sintoniza Lá, e aqui vai uma resenha sobre este disco que de certo, constará em listas de melhores de 2012.


Sintoniza Lá é um álbum que quem escuta, e gosta, fica logo torcendo pra que o Bnegão e os Seletores de Frequência passem logo por sua cidade e toquem na íntegra este disco. Na íntegra mesmo, pois o registro é bom todo do começo ao final, e a disposição das músicas já soam como a de um set list pra um show. Desde o lançamento do Enxugando Gelo em 2003, o Bnegão e Os Seletores de Frequência colecionam excelentes apresentações, o que eu acho que contribuiu para este álbum ser tão bom. Pra quem curtiu essa nova vibe do Bnegão, as músicas do Planet Hemp não fazem falta nas apresentações dos caras. Pra quem vai pra o show dos caras esperando ouvir Planet Hemp, não quebra a cara, pois a banda é boa de verdade, e assim como foi o Planet Hemp, quebra barreiras dos estilos, flertando com vários gêneros em ambos os discos, agradando aqueles fãs antigos que se forem espertos, não escutam as mesmas coisas que escutavam na época do Planet.


Neste novo trabalho, o Bnegão e os Seletores de Frequência apresenta um disco que com certeza agitará muitas Alterações por aí. O disco não destoa do primeiro, o nipe é o mesmo, só que ainda melhor, mais maduro, mais bonito. Na primeira audição já dá pra perceber que a demora para o lançamento de um segundo registro valeu a pena. Os metais chamando muita atenção, as guitarras ora distorcidas ora swingadas, pra não descaracterizar os Seletores. Duas músicas instrumentais, uma pra lombrar ( Na Tranquila) e outra pra fazer aquela roda de pogo sadia ( “Subconsciente”), esta última não tem como ouvir não lembrar dos hardcores do Planet.


Este é daqueles discos que a pior parte é que tem só 11 músicas. Os “Malokeros High e Low Society” vão curtir este disco, e assim como eu, vão ficar torcendo que a tour do disco passe pela cidade, só não vale vacilar e perder o show. Vendo este vídeo de uma apresentação dos Seletores no Festival Dosol dá pra sacar que as novas músicas já vem sendo executadas ao vivo e daqui a uns shows estarão na boca da galera assim como foi com “A Verdadeira Dança do Patinho” que é a música que mais agita a galera nos shows:


Você também pode gostar

6 comentários

  1. Concordo com cada caractere! Bom todo esse disco. Bela trilha pra bebedeiras e fumaças coletivas quaisquer. Essa galera entende!

    ResponderExcluir
  2. Não tinha escutado o disco ainda, li a resenha e fui conferir. Realmente, muito bom mesmo. Na expectativa de um show!

    ResponderExcluir
  3. Cd muito bom!.. mas link pra baixar está zuado.

    ResponderExcluir
  4. Então, Thales, estamos com problemas lá no HominisCanidae mas em breve todos os links estarão ok.

    ResponderExcluir
  5. alguem sabe o link para download?

    ResponderExcluir