"Com um pequeno poder vem grandes responsabilidades"

por - 14:11

cronica poder


Estamos cansados de saber que vivemos em tempos difíceis. Foi se a época em que dava pra comprar kinder ovo e Jack Daniels com o troco do pão e você sabe bem disso. Deve saber tanto que imagino o incômodo que você deve sentir ao ver alguém comentando sobre isso, como aquele vizinho ou pessoa randômica irritante falando como as coisas eram boas no tempo em que tudo era mais barato e dinheiro era mais fácil de segurar. Sim, eu sei que é irritante, mas não consegui pensar em algo melhor para introduzir minha argumentação. Mentira, até pensei, mas gosto de irritar as pessoas.



Surpreende-me muito a galera que recebe mesada. Como isso funciona? Seus pais te dão dinheiro mensalmente só porque não usaram camisinha na hora de brincar de esconder o mico? Muito impressionante. Para você que a recebe, admiro sua sorte e torço para que o Ratinho diga que sou filho adotivo. Inveja não mata, mas me faz pensar como a vida poderia ser menos filho da puta de vez em quando. Bom, ao menos se fosse cristão, poderia me comparar a um paralítico e dizer que estou melhor que ele. Cruel, não? Culpe o raciocínio compensatório quebrado.



A parte chata em não ter dinheiro no bolso, além do fato de não ter dinheiro no bolso, é lidar com política. Uau, como passamos de um assunto para o outro tão rapidamente? Não sei, mas grande parte dos políticos se preocupa com nossos bolsos vazios, ainda que superficialmente, e nos prometem mudar esta situação nos auxiliando de alguma forma. Aí quando não cumprem, dão motivos o suficiente para todo mundo que aprende política com o facebook compartilhar aquelas imagens de fazer chorar. Porque todo mundo sabe que política é como ter o papai que dá mesada todo mês. Se ele não der, basta fazer cara feia, reclamar para os amigos e ele te libera um troquinho pra ver você parar de fazer cara feia.



E falando em política, esse ano tem eleições. Provavelmente falarei sobre elas num futuro próximo, mas vale sempre comentar o despreparo das manifestações contra a corrupção. Veja bem, não estou dizendo que ficar de braços cruzados é o certo a se fazer, mas também não estou dizendo que protestar o ato ou efeito de roubar seja uma boa ideia. Só podemos usar uma faca se esta está ao nosso alcance. Se esta não estiver, não podemos reclamar da falta dela, mas sim, pensar em um meio de substituir a faca, afinal, a barriga que está vazia é a nossa e não a deles. Ah, só pra constar, falei tudo no sentido figurado. Acabei de comer uma pizza. Olha só, até vale como trocadilho político do CQC.


cronica poder

Você também pode gostar

0 comentários