Altnewspaper Toolbox para Windows (deixe de ser n00b)

por - 14:07

altnewspaper-toolbox


Inspirado pelas dúvidas de vocês e da maioria da internet, peguei uma par de programa legal que talvez vocês não conheçam e adiantem pra cacete o lado de todo mundo, principalmente quando o assunto é acessar o Altnewspaper e o HominisCanidae.


Tem de player de áudio a descompactador de rar e zip, afinal, a internet tá aí, te oferecendo um leque de opções. Então, vamos a toolbox do altnewspaper com comentários sobre cada programa.


7-zip: um descompactador livre, sem fins lucrativos, open-source, que é melhor do que o Winrar. Ele compacta em 7z, zip, tar.gz e uns formatos mais bizarros. O grande diferencial dele é a velocidade, tanto pra comprimir, quando pra descompactar (em vários formatos, entre eles, os mais populares: zip, 7z, tar, tar.gz e rar). No dropbox, tem duas versões:  32bits e 64.


Aimp: esse é um player de áudio leve, simples, mais ou menos um winamp melhorado. Não gosto muito dele, mas é claro que ele é melhor do que o iTunes, Windows Media Player ou o ultrapassado Winamp.


BurnAware Free: Nero é meu pau soltando serpentina no carnaval. Esse programa é bem mais simples, fácil e rápido do que o gravador de discos da AHead. Vai por mim, seu trampo de gravação vai ser bem mais legal.


Express Burn: um dos gravadores mais simples que existem. É só adicionar as paradas e clicar em “gravar”. É bom lembrar que ele é meio limitado, mas se você não queima muitas mídias, é de boa. Ah, ele está num pack junto com o Switch e o Prism, todos com crack.




[caption id="attachment_17104" align="aligncenter" width="600"]Chrome x Firefox Eu sempre vou dar risada dessa imagem.[/caption]

Firefox: clássico navegador da Mozilla que anda tão lento quanto uma tartaruga manca, mas é fato que ele dá um pau no Internet Explorer. Então, se você tem alguma paranoia em relação ao Google Chrome, tá aí uma bela alternativa.


Foobar2000: agora sim, um player de áudio que uso. O Foobar é tão simples, mas tão completo, que provavelmente a Microsoft ficou chateada quando viu um cara cria-lo. Com ele é possível ouvir música, tagear as mp3s, colocar capa junto com as informações da mp3, ripar disco em mp3 usando o Lame, ouvir FLAC, OGG, AIFF, WAV, entre outros milhares de formato de áudio. Dentro da pasta há um zip chamado foobar com 1 tema simples e os componentes (plug-ins) que o deixam melhor do que ele já é.


Google Chrome: eu até falei aqui uma vez para não usarmos esse navegador, mas o Firefox travou tanto, que eu desisti e preferi ser rastreado. É fato, o Chrome é o melhor browser do mercado, ninguém vai conseguir pegá-lo, principalmente por sua compatibilidade com o HTML5 e CSS3. Foda-se, o Google já sabe tudo sobre você.


ImgBurn: imagens iso, bin, nrg e etc podem ser um saco pra serem queimadas, mas com ele você vai notar que não tem segredo: selecionou, setou a velocidade e clicou. Nada mais do que isso. Com o ImgBurn também é possível criar suas imagens de discos em iso.




[caption id="attachment_17101" align="aligncenter" width="610"]aplicativos Essa é só uma imagem do Windows 8 (que está uma bosta)[/caption]

LAME: manja sua mp3? Então, o Lame que a codifica. É bom ter isso no computador, principalmente se você vai usar o Foobar para ripar os discos, pois é tranquilo pegar um V0 (melhor qualidade de variação de bitrate numa mp3) usando LAME + Foobar. Esse está disponível em 32 e 64 bits também.


Mp3Validator: sabe aquele som que não toca no seu iTunes nem com reza brava? Então, eu não sei o porque isso acontece, mas esse programa acaba com esse problema. É só adicionar as músicas, mandar um scan e um repair. Simples como acessar pornografia na internet.


Prism Video Converter: ele é praticamente igual ao Express Burn que é praticamente igual ao próximo programa, o Switch. Só muda que esse aqui converte vídeos e te dá umas opções básicas na configuração de cada codec. Ah sim, com ele, é possível pegar o vídeo e passar para uma mp3, por exemplo. O crack tá lá também.


Switch Sound Converter: ele é o conversor de áudio que tá na 'suite' com o Express Burn e o Prism. Você pode converter em mais de 10 formatos fácil. Só se liga que o esquema de variação de bitrate dele é bizarro. Se quiser passar o FLAC para VBR, use o Foobar. De resto, esse quebra um puta galho quando você pega umas faixas em m4a.




[caption id="attachment_17105" align="aligncenter" width="512"]Soulseek Quem dera se o ícone do Soulseek fosse esse e não aquele todo pixelizado, estilo 1996.[/caption]

Soulseek: esse é clássicão, mas vai que tem gente que não manja? Um dos melhores programas para encontrar músicas raras. A grande vantagem dele aos shares da vida é que você pode ver a qualidade da mp3. O problema é a velocidade, que quase sempre é bem baixa.


uTorrent: você não sabe baixar torrent em 2012? Que triste. Mas vamos lá, demorou para entrar na tecnologia. O uTorrent é um programa que faz funcionar os arquivos .torrent que você pega no PirateBay, por exemplo. Ele é bem intuitivo, mas se não conseguir usá-lo, o Google é seu amigo.


VLC Media Player: imaginem um Foobar (que toca todos os formatos de áudio) numa versão de vídeo? O VLC é exatamente isso. Chega de baixar uns filmes e ficar só ouvindo ou só vendo a imagem por falta de codec. Com ele, não é necessário baixar nenhum pacote. E claro, ele reproduz vídeos em 1080p (full hd).


Waterfox: não sei quem criou isso, mas essa pessoa é um gênio. O Firefox anda travado e bem fraco, aí um cara teve a grande ideia de fazer uma compilação do código fonte e otimizar o about:config para sistemas de 64-bits. Se você tem o Windows com 4gb de ram ou mais, ele vai te fazer sorrir.


Download dos programas avulsos.


Download de todos os programas num .zip


Obs: não criaremos uma para Mac OSX porque não somos indies.
Obs²: não criaremos uma toolbox para Ubuntu ou outra distro de Linux, porque se você usa isso no dia a dia, tá ligado de como funciona o mundo virtual. E lembre-se: sudo apt-get xxx resolve qualquer coisa.

Você também pode gostar

0 comentários