Melhores músicas de 2012: Gui Amabis - Um bom Filme

por - 12:04

Gui Amabis

Gui Amabis é um músico e produtor, é irmão de uma das cabeças do Instituto Coletivo (Rica Amabis) e talvez por isso, o primeiro disco solo lançado por ele Memórias Luso/Africanas, de 2011, seja bastante coletivo e recheado de participações especiais. Na verdade, o álbum é muito bom, mas parece muito mais uma coletânea do que um disco solo de um músico. Em 2012 ele resolveu soltar mais um registro, confesso que achei bem rápido e nem estava esperando, mas isso talvez transpareça mais ainda que o trabalho anterior seja uma compilação de músicas dele cantadas por amigos.


Em Trabalhos Carnívoros, Gui Amabis esqueceu de convidar os amigos e praticamente tomou conta de tudo. Ele se entrega cantando em todas as músicas, grava alguns instrumentos, produz o trabalho (não necessariamente sozinho), conta com parceiros como Dengue (Nação Zumbi) e Regis Damasceno e Dustan Gallas (Cidadão Instigado), que tocam na faixa escolhida pro post. O disco conta com várias letras fodas, a primeira que se destacou nos meus ouvidos foi “Tiro” e ela entrou na coleta do mês de Outubro do Hominis Canidae. Aqui eu mando outra das minhas favoritas, "Um Bom Filme" tem uma letra rápida, lúdica, ácida e cheia de indiretas (abertas a interpretação de cada um) e aqui deixo a minha interpretação: pra mim o Amabis está afirmando que o passado (de forma dolorosa) ficou para trás (um relacionamento amoroso, quem sabe?) e que agora o foco é no futuro. Fiquem então com mais essa pepita de 2012 e esperemos novos trabalhos do músico...


Agora me vejo de fora
Caminho e abandono a memória
E saio num passo corrido
No peito um solfejo contido
E tudo tá mais colorido
O foco tá bem mais preciso
Agora eu vejo o que sinto
E tudo faz bem mais sentido


O custo de todos os vícios
Do forte ao mais agressivo
Das coisas que a gente se lembra...

Você também pode gostar

0 comentários