Feijoada búlgara no Abril pro Rock

por - 14:06

moveis


Calma, não estamos falando sobre a praça de alimentação do festival. Nem muito menos o tipo de comida que irão vender por lá. Na verdade, isso pouco importa. Feijoada búlgara é o termo que os músicos do Móveis Coloniais de Acaju escolheram para definir o som mistureba da banda. De forma justa, diga-se.


Em maio de 2008 eu estava no Rio de Janeiro quando descobri que rolaria um show da banda brasiliense, no Circo Voador. Pouco conhecia, tinha apenas ouvido algumas músicas e achado legal a proposta. Além disso, me chamava atenção o nome nonsense. Fiquei interessado em ir, mas forças do destino – também conhecidas como amigos cariocas de mau gosto – me levaram num baile funk para conhecer “a verdadeira cultura carioca”. Perdi a noite.


Alguns meses depois finalmente vivi a experiência de sacar a banda ao vivo e aprendi a lição: não se perde um show dos caras. Sua mistura de ska, funk, samba, rock e o escambau a quatro não deixava nego parado um minuto. São os ingredientes ideais para a tal feijoada. E o show não se limita a dança. A energia que paira no ar é massa. Há uma conspiração pra que tudo e todos fiquem animados.


Os integrantes da banda têm um nível hard de interação com o público. Quase nunca se canta uma música sem participação das pessoas repetindo suas letras ora engraças, ora estranhas. Não seria exagero dizer que de vez em quando são românticas também. Do jeito deles, claro. Difícil algum show onde os caras não desçam do palco e dancem junto das pessoas que estão ali para assisti-los.



Em determinado momento será possível pensar que está numa festa de faculdade, onde amigos de turma estão tirando um som e todos participando junto com eles. Talvez seja exagero, mas esse é o clima. Você pode nunca tê-los vistos, mas depois de algumas músicas pensará algo como “meus brothers tão lá em cima tocando”.


Se você já ouviu Móveis e não gostou, tente ao vivo. Tá assim de gente que não é fã, mas curte o show deles. É como se as coisas pudessem se distinguir. Talvez até possa, vai saber.


Faz cerca de um ano e meio que eles não passam pelo Recife. Não sei se irão demorar tanto para retornarem depois do APR, mas se eu fosse você não perderia. E falo muito sério.


E deixo uma dica: feijoada búlgara com cerveja é bom demais.


Texto escrito por Yuri Ribeiro ganhador da promo do Abril Pro Rock 2013

Você também pode gostar

0 comentários